Alemães que amamos: Moritz Bleibtreu

O primeiro Alemães que amamos trouxe um ídolo das atuais comédias românticas alemãs, o Til Schweiger. Agora conheceremos um verdadeiro ídolo dos filmes “de conteúdo”, que participa de festivais em ilhas hipster, etcetera e tal. Nós também amamos o Moritz Bleibtreu.

Nascido em família de atores, Moritz desde cedo já aparecia na TV, ao lado da mãe, a atriz Monica Bleibtreu (que descanse em paz a senhora). Depois de ter sido au pair em Paris (isso mesmo que você leu), foi à Nova York estudar teatro. Nos idos dos anos 90, teve vários papéis na televisão alemã, mas o homem ficou conhecido mesmo ao fazer o Manni, no filme Corra Lola Corra. Ah, agora lembraram.

Depois foi só correr pro abraço da fama sob o rótulo de ator-de-filmes-estrangeiros-descolados. E assim se sucedeu. Até colocam ele como um dos atores da “nova onda” do cinema alemão (uma onda naturalmente descolada, claro). Esses rótulos estúpidos não dizem quase nada do talento do nosso querido Moritz, que hoje é um dos queridinhos da “cena hamburguesa” do cinema “autoral” alemão (quantos rótulos estúpidos em uma só frase!), leia-se as crias do diretor alemão-mas-que-é-turco Fatih Akin (esse “i” é sem pingo, viu Iara?). Juntos fizeram vários filmes que participaram de festivais em ilhas e o mais recente deles é o Soul Kitchen, onde Moritz interpreta seu papel preferido: bad boy with a heart.

Eu amo este rapaz porque ele tem aquela cara de vizinho danado que povoa nossos sonhos vizinhais durante anos. E para continuar com a saga das comparações esdrúxulas em potencial, gostaria de colocar o Moritz no patamar de um Gael Garcia.

Enfim, só tenho uma coisa a dizer sobre Moritz Bleibtreu, e tem que ser em alemão: ganz heiß!!!!

Essa cara de vizinho...

Como terrorista do RAF no filme "Der Baader-Meinhof complex"

Em foto de Anatol Kotte. Na tatoo, lê-se "treze". Ganz heiß!

Esse post foi publicado em Alemães que amamos, Cinema e marcado , , , . Guardar link permanente.

12 respostas para Alemães que amamos: Moritz Bleibtreu

  1. Pingback: Alemães que amamos: Michael Fassbender « Die Karambolage

  2. ana borba disse:

    entre o til e o moritz eu fico com o Daniel Brühl😉 … aiai

  3. Mariama disse:

    eu gostoooooooooooo mto mto dele…ele nao é beleza sabe, ele é bom msmo o cara
    ele fez aquele fim in Juni, vc viu?`! mtooo legal o filmee!
    vc tem que escrever nessa onda o Jürgen Vogel , esse é feio que doi, mais o cara é foodaaaaa demais…sou fa dele!!😀
    bjos

  4. O blog sobre a Turquia é muito bom e interessante também. Assinarei.

    Gilson

  5. Me espoco com algumas passagens engraçadas dos textos!

    Gilson

  6. Tânia Lopes disse:

    Não, boa observação “espertinha”.

  7. ana borba disse:

    entäo… com o “ganz heiß” eu näo concordo, näo… mas o resto stimmt! =)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s